skip to Main Content

Como interpretar a linguagem corporal do seu cão?

O seu amigo de quatro patas demonstra suas emoções e sentimentos por meio de sua linguagem corporal ou sons, como gemidos, latidos, uivos, grunhidos, etc. É a forma como ele se comunica com você e com os restantes seres vivos e, por isso, é importante saber interpretar corretamente cada uma dessas ações.

O que seu peludo faz para comunicar suas emoções?

Se o seu cão tem um olhar calmo, mexe o rabo devagar, lambe você, abaixa a cabeça e também as orelhas, se aproxima de você para acariciá-lo ou quer lamber ou morder você com cuidado, é que ele se sente confortável ao seu lado.

Pelo contrário, se o cão baba excessivamente, tem cabelo crespo, lambe os lábios, franze a testa, o rabo fica preso entre as pernas, dá voltas bruscas com a cabeça, sacode com frequência ou fica muito quieto, quer dizer que está experimentando uma situação de nervosismo e stress que o mantém completamente bloqueado e desconfortável.

Quando se sentem agredidos, os cães apresentam uma atitude ofensiva ou defensiva e demonstram isso apresentando um corpo rígido, inclinando-se para a frente ou esticando o peito. Sua boca está apertada e seus lábios estão mais para frente e vibrando, com um rosnado contido. Seu olhar está fixo no objeto ou pessoa em questão e ele pode até latir sem parar. Sua cauda é reta e rígida olhando para cima e/ou com um frizz nos cabelos do pescoço e coluna

Quando o seu cão tem curiosidade sobre algo, ele inclina a cabeça de um lado para o outro, levanta uma das patas dianteiras, fecha a boca e se aproxima do que lhe interessa para cheirá-la e obter todas as informações possíveis.

E saber se o seu cão está feliz é muito simples, porque você o verá pular de alegria, brincar e chamar a nossa atenção constantemente, assim como ele faz quando chegamos em casa. Seu parceiro mostra uma expressão facial calma e relaxada, balança o rabo rapidamente, abana zona posterior e pode até latir com a mesma alegria e excitação que sente.

Obtenha comunicação eficiente com seu amigo de quatro patas

Com estas pequenas orientações você poderá entender melhor o seu amigo fiel e conseguir maior cumplicidade e compreensão com ele, para detetar em que tipo de espaços e ambientes ou com que pessoas ele está mais calmo, relaxado, confiante e feliz. Por outro lado, também permitirá que você saiba de que tipo de coisas eles não gostam ou que os deixam desconfortáveis.

Este post teve 0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Back To Top